The Flash - Crítica Episódio Piloto

 Corre Barry corre!!!
O homem mais rápido do mundo já estava na hora de voltar a ativa, Flash é um personagem importante no arco da Liga da Justiça e merece respeito, algo que ele vem reconquistando novamente foi assim com a ótima animação Liga da Justiça : Ponto de Ignição (2013).
Francamente espero muito da série The Flash, muito de minhas expectativas são por ser dos mesmos criadores de Arrow e manterem a ligação entre os universos.

The Flash episódio piloto
Minha primeira impressão foi positiva, o carismático Grant Gustin (Barry Allen/Flash) soube segurar as pontas e botar as inseguranças a respeito da série para correr (literalmente), com um Barry Allen mais inteligente e cativante (aprenderam com o Andrew garfield), deixaram um pouco de lado aquele lado paspalhão do Flash e souberam dosar o alívio cômico.
 Me diverti muito com o episódio piloto e no final ainda fiquei com aquela sensação de quero mais, sobre o elenco gostei bastante do que vi, entre friendzone e possivel envolvimento amoroso até momentos nostálgicos como ver John Wesley Shipp o Flash da clássica série dos anos 90, ele vive o pai de Barry (Awesome), pra mim foi nostálgico ver os 2 juntos além da participação especial de Stephen Amell (Arrow).
Minha única preocupação é o fato de terem usado praticamente o mesmo enredo de Smallville, ao explicar que os vilões super poderosos são meta-humanos também expostos a misteriosa energia a mesma que criou Flash após um trágico acidente.
Divertido, nostálgico e preocupante, mas o simples fato de me deixar querendo mais e com um sorriso no rosto já valeu para me amarrar a mais está série.  
#Recomendo  
The Flash estreia no canal CW dos EUA em 7 de outubro
Autor: Marlon César Matti


Leia mais sobre The Flash



Google Plus

Autor: Liga das Nerdices

#UnaseaLiga
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários :